No Sesc Avenida Paulista, Instônia - Titus Macbeth funde duas obras de William Shakespeare,Titus Andronicus e Macbeth

Com dramaturgia de Sérgio Roveri e André Guerreiro Lopes, a peça Insônia – Titus Macbeth soa soturna, aterradora e outros tantos adjetivos oportunos para os tempos sombrios. Essa escolha foi proposital. A arte precisa refletir sobre a realidade que já nos é cinzenta demais. Mas para falar de governantes autoritários, sórdidos, movidos a ódio e conspiradores vale recorrer à grandeza da narrativa shakespeariana. Ao verter em uma só montagem dois textos do bardo inglês, Roveri e Guerreiro Lopes criaram uma nova camada de compreensão para algo tão antigo quanto a Humanidade: a obsessão desenfreada pelo poder.

O Sesc Avenida Paulista recebe essa montagem que literalmente funde duas obras de William Shakespeare, a menos conhecida Titus Andronicus e a clássica Macbeth. Será que a nossa realidade é tão tenebrosa que para dar conta foram necessárias duas tragédias? O papel do general romano Titus coube à veterana Helena Ignez, que convincentemente recria a brutalidade do personagem que decide vingar a morte dos filhos. Guerreiro Lopes, que assina também a direção, escalou a atriz Djin Sganzerla, filha de Helena Ignez, para o icônico papel de Lady Macbeth, mulher do general que com ele inicia a matança dos inimigos a fim de se perpetuar no poder.

Na montagem, as duas peças se desenrolam como num jogral, com falas entrecruzadas, ora de personagens de Titus Andronicus, ora de Macbeth. O elenco divide o espaço cênico com a plateia, que pode (e deve) transitar pelas cenas. É como se fôssemos convidados a fazer parte desse pacto sinistro movido por assassinatos, conspirações e violência. Os diálogos, algumas vezes, parecem realmente estar relacionados entre si, mas em outras se tem a impressão de não fazerem sentido. Mas faz sentido a atual e desmedida violência do Estado?

Insônia – Titus Macbeth. No Sesc Avenida Paulista, de 13 de setembro a 20 de outubro, quinta-feira a domingo. Ingressos a 20 reais.

DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome