Angela Davis no Auditório do Ibirapuera
A filósofa e ativsta Angela Davis participa de eventos em São Paulo

Filósofa e ativista. Feminista e militante antirracista. Integrante dos Panteras Negras e do Partido Comunista, nos Estados Unidos. Na lista de mais procurados pelo FBI, foi perseguida, presa, julgada e inocentada por um crime que não cometeu. Sua história inspirou John Lennon e Yoko Ono a comporem a música Angela. Sweet Black Angel, do Rolling Stones, é outra canção que a homenageia. Não faltam referências a Angela Davis, mas a mais cara de todas, e que provavelmente ela prefere, é a de defensora das liberdades.

Pela primeira vez por São Paulo, Angela Davis realiza a conferência A Liberdade É uma Luta Constante, nome de seu livro lançado ano passado no Brasil pela Editora Boitempo, que promove a vinda da escritora. Na segunda-feira 21 de outubro, ela falará na plateia externa do Auditório do Ibirapuera, como parte dos eventos para o lançamento do livro Uma Autobiografia (também lançado pela Boitempo em parceria com a Fundação Rosa Luxemburgo). Escrita quando Angela tinha 28 anos (hoje está com 75), a obra refaz a trajetória da abolicionista prisional. Para ela, a abolição da escravidão só acontecerá nos Estados Unidos e em outros países quando houver o fim das instituições prisionais. 

Por fim, no Sesc Pinheiros, às 16 horas do sábado 19, a filósofa fará o encerramento do seminário “Democracia em Colapso?”. O evento, promovido pelo Sesc São Paulo e pela Boitempo, busca refletir sobre o conceito da democracia na atualidade. O seminário começa dia 15 com o curso A Democracia Pode Ser Assim: História, Formas e Possibilidades, com aulas de professores como Marilena Chauí e Luís Felipe Miguel. A escritora italiana Silvia Federici, ativista feminista e autora de Calibã e a Bruxa (Elefante), participa de um debate no dia 15, às 20 horas. Na programação, outros nomes importantes da pensamento acadêmico estarão presentes, como Luiz Eduardo Soares, Ricardo Antunes, Vladimir Safatle, Laura Carvalho, Michel Löwy e Maria Rita Kehl, entre outros.

A Liberdade É uma Luta Constante. Conferência na plateia externa do Auditório do Ibirapuera, 21 de outubro, das 19 às 21 horas.
Democracia em Colapso? Ciclo de debates no Sesc Pinheiros, de 15 a 19 de outubro.

 

DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome