Lui Coimbra, Ceumar e Paulo Freire: o trio Viola Perfumosa. Foto: Leo Aversa. Divulgação
Lui Coimbra, Ceumar e Paulo Freire: o trio Viola Perfumosa. Foto: Leo Aversa. Divulgação

“Ê, trem bão!”. A expressão mineira, hoje apropriada pelo Brasil inteiro, parece dar conta da qualidade de qualquer coisa, soa como elogio. Minas Gerais, terra do “Trem de doido” e do “Trem azul”, para citar dois clássicos do Clube da Esquina, o disco e o movimento, tem, em Poços de Caldas, o palco do projeto Composição Ferroviária, que acontece desde 2014, nas manhãs de domingo, na Estação Fepasa, levando ao município grandes nomes da música popular brasileira.

A programação será retomada na manhã deste domingo (16), em modo online, em razão da pandemia de covid-19. A transmissão acontece pelo youtube, no canal da produtora cultural Jucilene Buosi, às 10h. “Aguardamos durante 2020 inteiro a possibilidade de voltarmos presencialmente, com uma programação pra lá de especial, mas isso não aconteceu e então optamos por edições virtuais, pois o trem não pode ficar parado”, afirmou o também produtor cultural Wolf Borges, esposo de Jucilene, com quem divide a operação desta locomotiva musical.

As atrações deste domingo são o trio Viola Perfumosa, formado por Ceumar (voz e violão), Lui Coimbra (violoncelo) e Paulo Freire (viola), e o duo Gabriel Sá e Deivid Santos, poços-caldenses que fazem o show de abertura.

O trio Viola Perfumosa se formou para gravar o disco homônimo (2018), em tributo a Inezita Barroso, que é a base do show que será apresentado na matinê. A mineira Ceumar já se apresentou no Composição Ferroviária, em 2015, numa das edições com recorde de público.

As próximas edições do projeto acontecem dia 20 de junho, intitulada “Vozes do interior”, reunindo 11 artistas do sul de Minas Gerais; e dia 27 de junho, sob o título “Canto para manter viva a nossa arte”, com a presença de 12 artistas reconhecidos nacionalmente, entre os quais a própria Ceumar, além de Claudio Nucci, Ivan Vilela, Sérgio Santos e Simone Guimarães, entre outros.

A produção anuncia ainda, em outras seis edições até o fim do ano, sem datas definidas até aqui, entre outros, nomes como Leila Pinheiro, Paulinho Pedra Azul, Titane, Tulio Mourão, Telo Borges, Rodrigo Borges, Mônica Salmaso e Vanessa Moreno, passando, além de por Poços de Caldas, pelos municípios de Itaúna e São Lourenço.

DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome